Chá verde na cicatrização de cirurgia plástica

Data: 31/03/2014
Fonte: Negócio Estética


Clique aqui para ler matéria direto da fonte.

 

Uma alimentação balanceada tem todas as características ideais para auxiliar na cicatrização dos tecidos lesionados pela intervenção cirúrgica

 

A cirurgia plástica constitui uma agressão tecidual e sistêmica que pode prejudicar a função tecidual, por isso o cuidado pré quanto pós-operatório é fundamental.

 

A nutrição pode contribuir na recuperação dos pacientes tendo em vista que os parâmetros deficientes no pré-operatório estão diretamente relacionados aos processos de cicatrização, imunidade e metabolismo de nutrientes e hormônios, podendo atuar como geradores de complicações, aumentando índices de seromas, cicatrizes hipertróficas, deiscência de sutura e o risco de problemas vasculares.

 

Uma alimentação balanceada tem todas as características ideais para auxiliar na cicatrização dos tecidos lesionados pela intervenção cirúrgica.

 

Os principais índices alterados que podem levar a dificuldades no processo de cicatrização são: hemácias, hemoglobina, proteínas, ferro sérico, cromo e zinco.

 

O chá verde também pode estar presente na dieta após 36 horas da cirurgia plástica, pois seus polifenóis contribuem com feito antiinflamatório, quimioprotetor e benéfico para cicatrização de feridas.

 

Neste estudo de Neves (2009), foi utilizado o chá verde após 3 dias de cicatrização a neoformação epitelial já mostra bem adiantada e também com redução de edema nas feridas.

Leia também

» LANÇAMENTOS: #ESTÉTIKA2017 » 25ª FEIRA ESTÉTIKA SÃO PAULO 2017 » Feira de Estética movimenta setor de beleza em São Paulo
Informações & Vendas:
+55 21 2441-9260
congressoestetica@congressoestetica.com.br
Endereço:
Fagga | GL events Exhibitions
Av. Salvador Allende, 6.555
Barra da Tijuca - Rio de Janeiro | RJ
pharmacy healthprose